PORTUGUÊS

Nicolau e seus três filhos

ITALIANO

Knoist e i suoi tre figli


Entre a aldeia de Werrel e a aldeia de Soist havia um homem chamado Nicolau, o qual tinha três filhos: um era cego, o outro era coxo e o terceiro apresentava-se completamente nu.
Um dia, saíram os três para o campo e avistaram uma lebre. O coxo perseguiu-a, o cego alvejou-a e o nu guardou-a no bolso. Depois, chegaram à margem de um grande lago e viram três botes: um vogava, o outro afundava-se e o terceiro não tinha fundo. E, neste sem fundo, embarcaram os três.
Depois chegaram a uma grande floresta, onde viram uma enorme árvore, dentro de cujo tronco havia uma grande capela; na capela encontravam-se um bode selvagem que servia de sacristão e um penitente feito pastor, os quais esparramavam a água benta; vendo os três compadres, espancaram-nos tanto, que os deixaram moídos.

Feliz o que consegue
ver-se livre de compadres!
Tra Werrel e Soist abitava un uomo che si chiamava Knoist, e aveva tre figli: uno era cieco, l'altro zoppo e il terzo tutto nudo. Un giorno andarono per i campi e videro una lepre. Il cieco le sparò, lo zoppo la prese e quello nudo la mise in tasca. Poi giunsero in riva a un gran fiume e videro tre navicelle una correva, l'altra colava a picco e la terza non aveva il fondo. Salirono tutt'e tre in quella senza fondo e giunsero a un gran bosco, dove c'era un grande albero, e nell'albero c'era una gran cappella, e nella cappella c'era un sagrestano di carpine e un prete di bossolo che davano l'acqua santa a suon di bastonate. Felice è l'uom che campa, facendo a meno dell'acqua santa!




Comparar duas línguas:













Donations are welcomed & appreciated.


Thank you for your support.